Low-Code. Photo by Farzad Nazifi (Unsplash)

Low-Code: o trunfo da transformação digital

Reestruturação, cultura digital e produtividade são os pilares para transformação digital, ou seja, repensar processos da empresa e absorver a cultura digital com o objetivo de ganhar produtividade e agilidade. As plataformas Low-Code são, de fato, o trunfo para esta transformação digital.

O que é a transformação digital?

Segundo pesquisa da Deloitte, há uma mudança de paradigma, empresas com o conceito “com empresas possam realizar a transformação digital existem algumas barreiras como: capacidade limitada para o desenvolvimento de softwares e aplicativos, contratação e retenção de talentos e velocidade da entrega de soluções de forma competitiva.

Esse desafio é a realidade de muitas empresas, pois é necessária a união de diversos fatores, como: escalabilidade, sofisticação, segurança de dados e integração de software.truir para durar” estão sendo substituído pela nova visão “construir para evoluir” e assim, ter velocidade na corrida da disrupção tecnológica.

No entanto, segundo pesquisa da Forrester Consulting, para que as 

Low-Code: o trunfo da transformação digital
Fonte, Forrester Consulting, 2018

Ferramentas para a Transformação Digital

Segundo a Gartner, as tendências para os próximos 10 anos na tecnologia estão nas áreas de Hiperautomação, Multiexperiência e Democratização do conhecimento, sendo este último está baseado em desenvolvimento de aplicativos, análises de dados e design.

Até 2024, 75% das grandes empresas devem estar usando pelo menos quatro ferramentas de Low-Code para o desenvolvimento de aplicativos de TI a partir de iniciativas dos usuários.

Gartner, 2020
Faça o Dowload do Ebook Guia Definitivo sobre Low Code

Mas quem pensa que as plataformas Low-Code são coisa do futuro se engana, o Low-Code está presente em muitas soluções atuais. Vejam algumas delas abaixo:

  • Delivery
    Desde o começo da pandemia do COVID-19, a empresa americana Sun Basket, que faz entregas de comidas por assinatura, usou plataformas Low-Code para expandir o canal omnichannel da marca.
  • Teste de COVID-19
    A Universidade americana Berkley adotou o uso de plataformas Low-Code para transformar um estudo de CRISPR em teste de COVID.
  • Plataformas internas de trabalho
    Com a pandemia, muitas empresas optaram pelo trabalho remoto. A Work.com, por exemplo, usou o Low-Code para construir uma plataforma de rastreamento de contratos e planejamento de local de trabalho para reduzir riscos e aplicar o distanciamento social.

Como o Low-Code impacta a Transformação Digital?

As plataformas Low-Code vão permitir que pessoas sem conhecimentos complexos em programação desenvolvam aplicativos, facilitando sua configuração e atingindo rapidez e agilidade.
Além disso, as plataformas também oferecem às empresas uma maneira mais econômica de atender ao mercado e os requisitos internos.

Caso você se interesse mais pelo assunto, preparamos um ebook especial, contando mais sobre ferramentas Low Code, para fazer dowload desse material clique aqui.


Deixar uma resposta